7 dicas para organizar as leituras

Muita gente tem dúvida sobre como organizar as leituras. Por esse motivo, se você deseja melhorar o seu hábito de ler ou, simplesmente, se tornar um leitor mais compromissado, o texto de hoje pode te ajudar!


O artigo abaixo é baseado no meu próprio vídeo no YouTube. Se preferir assistir, está disponível logo abaixo:

Aproveite para se inscrever no canal do Leia Para Viver


Como organizar as leituras?

É muito comum a dificuldade em cumprir metas ou ler com regularidade,  ainda mais com tanta fonte de distração no meio digital.

Você sempre corre o risco de passar mais tempo no seu Facebook do que lendo o livro que tinha planejado.

Para auxiliar na organização das suas próximas leituras, preparei uma pequena lista composta por 7 dicas.

Todas são baseadas na minha experiência como leitor e, quando aplicadas da maneira correta, se tornam bastante eficientes!


Veja também:

• 5 dicas para se concentrar na leitura

• Como ler mais e melhor? 10 dicas para aprimorar o hábito de leitura


1º – Separar os livros que você ainda não leu

Uma pratica bem interessante de se fazer é separar os livros que você já leu, daqueles que você ainda quer ler no futuro.

É bastante comum, por exemplo, deixarmos tudo misturado na nossa estante. Só que isso meio que “camufla” a quantidade de livros lidos e não lidos, já que você não consegue perceber, com clareza, quais são as leituras pendentes.

Para resolver isso, aconselho colocar os títulos não lidos numa estante ou prateleira separada, já que isso proporciona uma noção maior (e visual) do que ainda falta ler.

2º – Metas mensais

Acredito que estabelecer metas mensais seja um método divertido e leve de organizar as leituras.

Se quiser algo mais simples, uma sugestão é separar alguns livros pendentes para ler no mês seguinte, sempre sendo coerente e sensato com seu tempo disponível.

Outra ideia interessante é definir metas mensais temáticas, estabelecendo uma proposta diferente para cada mês.

Nesse caso, você pode anotar num caderno ou no computador quais serão os temas do ano e também separar quais leituras deseja fazer.

3º – Não crie regras difíceis de cumprir

Esse ponto é bem importante já que muitas pessoas sentem dificuldade de organizar as leituras justamente por criar metas mirabolantes ou difíceis de atingir.

Estabelecer metas complicadas, com uma quantidade exagerada de livros por mês, além de diminuir o prazer no ato de leitura, pode também te desanimar quando você não conseguir cumprir o objetivo.

Por isso sempre sugiro que os leitores não devem se prender pela quantidade, mas sim pela qualidade.

4º – Separe um tempo para ler

Uma dica muito útil para quem deseja organizar as próximas leituras é separar horários específicos (e exclusivos) para ler livros, um momento do dia reservado, unicamente, para essa atividade.

A desculpa da falta de tempo é uma das mais comuns naqueles que ainda não estabeleceram o hábito de leitura. Só que, quem já lê com regularidade, sabe que não é tão difícil assim encontrar um horário livre para ler.

Você pode ler antes de dormir, em algum horário de noite, de manhã bem cedo antes do trabalho, na hora do almoço, no ônibus, no metro etc.

Além de separar o que falta ler e criar metas mensais, reservar horários exclusivos para leitura é um hábito muito interessante para manter a organização em dia.


► Já conhece a TAG Livros? Receba, todo mês, uma caixinha com um livro surpresa + mimos literários! Confira os kits disponíveis: TAG Curadoria //  TAG Inéditos


5º – Desapegue de livros que você não vai ler

Uma prática bem legal para quem quer organizar as leituras, é ter uma estante apenas com livros que realmente pretende ler algum dia.

Olhe para seus livros e reflita: “Quais eu sei que não vou ler? Quais eu interrompi a leitura e não tenho vontade de continuar mais?”

Acumular várias obras que não vamos mais ler apenas serve para dar aquela sensação ruim de desorganização, de que não conseguimos ler tanto assim.

Como sugestão, você pode retirar esses títulos que estão “sobrando” ao cumprir a 1º dica, ou seja, enquanto separa os livros não lidos.

6º – Interaja e participe de redes sociais exclusivas de leitores

Uma excelente forma de se organizar é participar de redes sociais para leitores, tendo em vista que elas já possuem várias ferramentas que podem te ajudar nesse sentido.

De modo geral, nessas redes sociais você pode separar seus livros lidos, não lidos, livros que quer ler ou comprar, emprestados, leituras que não gostou e por ai vai.

Além disso, você pode comentar sobre o que leu, conversar com outros leitores e compartilhar suas leituras do momento.

Particularmente, gosto bastante do Skoob, que é uma rede de leitores nacional. Outra muito conhecida (em inglês) é o Goodreads.

7º – Crie um canal literário

Criar um canal é uma excelente forma de se organizar já que você vai precisar criar esse hábito para publicar com regularidade.

No meu caso, por exemplo, eu faço 1 resenha em vídeo por semana, o que me faz planejar as leituras do mês com antecedência.

Claro que você não precisa seguir exatamente isso. Só que, para o seu canal crescer, é importante produzir conteúdo de forma regular, sejam resenhas, sejam vídeos relacionados ao universo literário.

Nesse aspecto, acho que a manutenção do canal pode te ajudar a ler de forma mais organizada, com pequenas metas e planejamentos.

Se quiser assistir, eu fiz um vídeo com 7 motivos para você criar um canal literário: confira aqui.


Conclusão

Conhece outras dicas para organizar as leituras? Deixe um comentário com sua opinião ou com sugestões!

Lembre também de acompanhar o blog Leia Para Viver nas redes sociais: YouTubeFacebook Instagram.

Deixe uma resposta