12 livros de José Saramago que você precisa conhecer

Na lista de hoje separei 12 ótimos livros de José Saramago que qualquer apaixonado por literatura precisa conhecer.

livros de josé saramago

Quem foi José Saramago?

José Saramago nasceu em 1922, na pequena vila de Azinhaga, localizada na região central do território português.

Sua infância foi marcada por problemas financeiros na família mas, também, por um grande interesse pela leitura e por cinema.

Saramago se mudou com a família para Lisboa em 1924 e, vários anos depois, se formou numa escola técnica.

Durante a vida adulta, trabalhou como funcionário público e também escreveu algumas traduções de autores importantes como Liev Tolstói e Charles Baudelaire.

Seu primeiro destaque como escritor veio após a publicação do livro “Memorial do Convento“, em 1982. Esta obra, bastante elogiada pela crítica, rendeu também o reconhecimento internacional do escritor.

Vale ressaltar que a década de 1980 foi uma espécie de ponto de partida para o surgimento de várias obras fundamentais.

José Saramago 1

Alguns dos mais importantes livros de José Saramago que foram publicados a partir destes anos são: “O Ano da Morte de Ricardo Reis” (1984), “História do Cerco de Lisboa” (1989), “O Evangelho Segundo Jesus Cristo” (1991) e “Ensaio Sobre a Cegueira” (1995).

Já a década de 1990 também foi bastante especial para o escritor e para a literatura portuguesa como um todo.

Em 1995, Saramago recebeu o Prêmio Camões, tido como o mais importante de língua portuguesa. Já em 1998, apenas três anos depois, o autor recebeu o aclamado Nobel de Literatura, tornando-se o primeiro escritor português premiado com a famosa distinção.

Segundo a Academia Sueca, Saramago foi um autor “que, com parábolas portadoras de imaginação, compaixão e ironia torna constantemente compreensível uma realidade fugidia“.

Sem nenhuma dúvida, José Saramago foi um dos maiores nomes da literatura de língua portuguesa. O autor recebeu inúmeras premiações e, além disso, sua obra já foi traduzida para vários idiomas.

Famosos por uma narrativa bastante particular, os livros de José Saramago possuem muitos fluxos de consciência, frases enormes e diálogos sem qualquer separação, sempre inseridos diretamente no próprio parágrafo.

Sua produção é marcada por metáforas que retratam a condição humana em diferentes cenários e circunstâncias.

Os livros de José Saramago também são caracterizados por vários elementos fantásticos, num estilo muitas vezes comparado ao chamado realismo mágico latino-americano.

José Saramago 3

Infelizmente, na casa dos 80 anos, Saramago foi diagnosticado com leucemia. Em 2010, o escritor faleceu em sua casa, ao lado da esposa María del Pilar del Río. O corpo foi cremado em Lisboa, no Cemitério do Alto São João.

Para os interessados em conhecer mais detalhes da vida e obra de José Saramago, aproveito o artigo para sugerir uma biografia escrita por João Marques Lopes e publicada pela editora Leya.

A lista de hoje é composta por 12 ótimos livros de José Saramago que você precisa conhecer.

Além disso, informo que alguns títulos como “As intermitências da morte” e “O conto da ilha desconhecida” são ótimas leituras para um contato inicial com a obra do autor.


Veja também:

[Vídeo] O conto da ilha desconhecida, de José Saramago – Resenha
[Post] 30 ótimos livros de escritores espanhóis


Confira a lista com 12 ótimos livros de José Saramago

• Ensaio Sobre a Cegueira

Editora: Companhia das Letras

Trecho da sinopse: Uma terrível “treva branca” vai deixando cegos, um a um, os habitantes de uma cidade. Com essa fantasia aterradora, Saramago nos obriga fechar os olhos e ver. Recuperar a lucidez, resgatar o afeto: essas são as tarefas do escritor e de cada leitor, diante da pressão dos tempos e do que se perdeu. Um motorista parado no sinal se descobre subitamente cego. É o primeiro caso de uma “treva branca” que logo se espalha incontrolavelmente. Resguardados em quarentena, os cegos se perceberão reduzidos à essência humana, numa verdadeira viagem às trevas.

– Para ler a sinopse completa ou comprar o livro, acesse o link da Amazon: http://amzn.to/2Hs4J7S

 

• Ensaio Sobre a Lucidez

Editora: Companhia das Letras

Trecho da sinopse: Numa manhã de votação que parecia como todas as outras, na capital de um país imaginário, os funcionários de uma das seções eleitorais se deparam com uma situação insólita, que mais tarde, durante as apurações, se confirmaria de maneira espantosa. Aquele não seria um pleito como tantos outros, com a tradicional divisão dos votos entre os partidos “da direita”, “do centro” e “da esquerda”; o que se verifica é uma opção radical pelo voto em branco. Usando o símbolo máximo da democracia – o voto -, os eleitores parecem questionar profundamente o sistema de sucessão governamental em seu país. É desse “corte de energia cívica” que fala Ensaio sobre a lucidez (2004).

– Para ler a sinopse completa ou comprar o livro, acesse o link da Amazon: http://amzn.to/2FxRiGP

 

• As Intermitências da Morte

Editora: Companhia das Letras

Trecho da sinopse: Depois de séculos sendo odiada pela humanidade, a morte resolve pendurar o chapéu e abandonar o ofício. O acontecimento incomum, que a princípio parece uma benção, logo expõe as intrincadas relações entre Igreja, Estado e a vida cotidiana. “Não há nada no mundo mais nu que um esqueleto”, escreve José Saramago diante da representação tradicional da morte. Só mesmo um grande romancista para desnudar ainda mais a terrível figura. Apesar da fatalidade, a morte também tem seus caprichos. E foi nela que o primeiro escritor de língua portuguesa a receber o Prêmio Nobel da Literatura buscou o material para seu novo romance, As intermitências da morte . Cansada de ser detestada pela humanidade, a ossuda resolve suspender suas atividades. De repente, num certo país fabuloso, as pessoas simplesmente param de morrer. E o que no início provoca um verdadeiro clamor patriótico logo se revela um grave problema.

– Para ler a sinopse completa ou comprar o livro, acesse o link da Amazon: http://amzn.to/2FvadCb

 

• O Conto da Ilha Desconhecida

Editora: Companhia das Letras

Trecho da sinopse: Um homem vai ao rei e lhe pede um barco para viajar até uma ilha desconhecida. O rei lhe pergunta como pode saber que essa ilha existe, já que é desconhecida. O homem argumenta que assim são todas as ilhas até que alguém desembarque nelas. Este pequeno conto de José Saramago pode ser lido como uma parábola do sonho realizado, isto é, como um canto de otimismo em que a vontade ou a obstinação fazem a fantasia ancorar em porto seguro. Antes, entretanto, ela é submetida a uma série de embates com o status quo, com o estado consolidado das coisas, como se da resistência às adversidades viesse o mérito e do mérito nascesse o direito à concretização.

– Para ler a sinopse completa ou comprar o livro, acesse o link da Amazon: http://amzn.to/2HtBphf

 

• O Evangelho Segundo Jesus Cristo

Editora: Companhia das Letras

Trecho da sinopse: “O filho de José e de Maria nasceu como todos os filhos dos homens, sujo de sangue de sua mãe, viscoso das suas mucosidades e sofrendo em silêncio. Chorou porque o fizeram chorar, e chorará por esse mesmo e único motivo.” Todos conhecem a história do filho de José e Maria, mas nesta narrativa ela ganha tanta beleza e tanta pungência que é como se estivesse sendo contada pela primeira vez. Nas palavras de José Paulo Paes: “Interessado menos na onipotência do divino que na frágil mas tenaz resistência do humano, a arte magistral de Saramago excele no dar corpo às preliminares e à culminância do drama da Paixão”.

– Para ler a sinopse completa ou comprar o livro, acesse o link da Amazon: http://amzn.to/2Hudgah

 

• Caim

Editora: Companhia das Letras

Trecho da sinopse: Se, em O Evangelho segundo Jesus Cristo, José Saramago nos deu sua visão do Novo Testamento, neste Caim ele se volta aos primeiros livros da Bíblia, do Éden ao dilúvio, imprimindo ao Antigo Testamento a música e o humor refinado que marcam sua obra. Num itinerário heterodoxo, Saramago percorre cidades decadentes e estábulos, palácios de tiranos e campos de batalha, conforme o leitor acompanha uma guerra secular, e de certo modo involuntária, entre criador e criatura. No trajeto, o leitor revisitará episódios bíblicos conhecidos, mas sob uma perspectiva inteiramente diferente.

– Para ler a sinopse completa ou comprar o livro, acesse o link da Amazon: http://amzn.to/2GlqAP5

 

• Todos Os Nomes

Editora: Companhia das Letras

Trecho da sinopse: Todos os nomes , o décimo livro de Saramago publicado pela Companhia das Letras, é a história de um modesto escriturário da Conservatória Geral do Registo Civil, o Sr. José, cujo hobby é colecionar recortes de jornal sobre pessoas famosas. Um dia sua curiosidade acabará se concentrando num recorte que o acaso põe diante dele: a mulher focalizada ali não é célebre, mas o escriturário desejará conhecê-la a todo custo. Abandonando seus hábitos de retidão, ele estará disposto a cometer pequenos delitos para alcançar o que deseja: pequenas mentiras que darão à vida uma intensidade desconhecida.

– Para ler a sinopse completa ou comprar o livro, acesse o link da Amazon: http://amzn.to/2FCVZLL

 

• História do Cerco de Lisboa

Editora: Companhia das Letras

Trecho da sinopse: A nova história do cerco é a crônica do amor tardio do revisor falsário por Mara Sara, que se espelha, oito séculos depois, no amor primevo do soldado Mogeuime por Ouroana, aos pés da cidade prestes a cair. Assim, a Lisboa de Saramago também se refaz nas ruas da cidadela moura e no arraial português, e o que surge desse amálgama é a um só tempo um thriller e um retrato histórico, como só a mais acabada literatura é capaz de fazer.

– Para ler a sinopse completa ou comprar o livro, acesse o link da Amazon: http://amzn.to/2Gozrzz

 

• O Homem Duplicado

Editora: Companhia das Letras

Trecho da sinopse: O professor de história Tertuliano Máximo Afonso descobre, certo dia, que é um homem duplicado. Ao assistir a um vídeo, ele se reconhece em outro corpo, idêntico ao dele próprio: um dos atores do filme é seu sósia. Os desdobramentos dessa história são imprevisíveis. Mas o novo romance de José Saramago, esclareça-se logo, não tem nada a ver com clonagem ou outras experiências de laboratório. O que está em jogo é a perda de identidade numa sociedade que cultiva a individualidade e, paradoxalmente, estabelece padrões estreitos de conduta e de aparência.

– Para ler a sinopse completa ou comprar o livro, acesse o link da Amazon: http://amzn.to/2FJqF18

 

• O Ano da Morte de Ricardo Reis

Editora: Companhia das Letras

Trecho da sinopse: Neste magnífico romance, o heterônimo mais clássico do grande poeta português Fernando Pessoa, o horaciano Ricardo Reis, acha-se novamente em Lisboa, depois de uma temporada no Brasil, onde se auto-exilara. O ano é o de 1936. Médico, educado pelos jesuítas e monarquistas, ele é um sábio capaz de se contentar em assistir ao espetáculo do mundo, como diz numa das epígrafes do livro. Aqui, porém, ele se vê confrontado com os acontecimentos de 1936, em Portugal e fora dele; de um lado, a ditadura fascista de Salazar; de outro, a gestação da Segunda Guerra Mundial, a Frente Popular francesa, a Guerra Civil espanhola, a expansão nazista na Europa. Um confronto, enfim, com um mundo que decerto não era um espetáculo.

– Para ler a sinopse completa ou comprar o livro, acesse o link da Amazon: http://amzn.to/2FO4Nlc

 

• A Caverna

Editora: Companhia das Letras

Trecho da sinopse: A caverna é uma história de gente simples: um oleiro, um guarda, duas mulheres e um cão muito humano. Esses personagens circulam pelo Centro, um gigantesco monumento do consumo onde os moradores usam crachá, são vigiados por câmeras de vídeo e não podem abrir as janelas de casa. É no Centro que trabalha o guarda Marçal. Era para o Centro que seu sogro, o oleiro Cipriano, vendia a louça de barro que fabricava artesanalmente na aldeota em que vive – agora, os clientes do Centro preferem pratos e jarros de plástico. Sem outro ofício na vida, Cipriano perde a razão de viver. E a convite do genro, muda-se para o Centro, essa verdadeira gruta onde milhares de pessoas se divertem, comem e trabalham sem verem a luz do sol e da lua. Enquanto isso, embaixo dos diversos subsolos, os funcionários do Centro descobrem uma estranha caverna. Driblando a vigilância, Cipriano consegue entrar lá dentro. O que descobre é aterrador. Nesta versão moderna do mito da caverna de Platão, José Saramago faz uma apresentação sutil da face cruel do mundo capitalista e tecnológico.

– Para ler a sinopse completa ou comprar o livro, acesse o link da Amazon: http://amzn.to/2FKNAch

 

• Memorial do Convento

Editora: Companhia das Letras

Trecho da sinopse: No epicentro desta história está a construção do Palácio Nacional de Mafra, também conhecido como Convento. O monarca absolutista D. João V, cumprindo uma promessa, ordenou que o edifício fosse erguido no início do século XVIII, em pleno processo colonial, à custa de uma imensa quantidade de ouro e diamantes vindos do Brasil, além do sangue de milhares de operários. Dentre eles, havia um certo Baltasar, da estirpe de Sete-Sóis, inválido da mão esquerda depois de uma guerra, apaixonado por Blimunda, uma jovem dotada de poderes extraordinários. Indivíduos habitualmente não observados pela dita história oficial, mas que no entanto constituem seu tecido mais delicado e essencial.

– Para ler a sinopse completa ou comprar o livro, acesse o link da Amazon: http://amzn.to/2DpqL8Y

 

Conclusão

Conhece outros livros de José Saramago? Se você sentiu falta de mais livros de José Saramago nessa lista, deixe o seu comentário com opiniões e sugestões de leitura!

Lembre também de acompanhar o blog Leia Para Viver nas redes sociais: YouTubeFacebook Instagram.


Obs: ao comprar através dos links acima, você está ajudando na manutenção deste blog (Leia para Viver) e respectivos canais.

Deixe uma resposta